das viagens

17Apr10

“Viajar começou por ser uma opção, uma decisão racional. O tempo e a continuidade transformaram  o acto – de me pôr a caminho – na consequência incontornável da urgência de compreender o mundo além dos limites que a vista alcança o que o quotidiano, demasiadas vezes enfadonho, consegue abarcar.”

(Sofia Cunha, que não sei quem é, mas que tive o prazer de ler, hoje, sábado, no suplemento Nós 50, do jornal i…)

Advertisements


No Responses Yet to “das viagens”

  1. Leave a Comment

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: